Redes Sociais:
HomeNotíciaPolíticaJosé Maria Neves defende mais jovens na política cabo-verdiana

José Maria Neves defende mais jovens na política cabo-verdiana

“É fundamental os próprios jovens serem protagonistas na busca de novos caminhos da política contemporânea para ter partidos mais fortes”, afirma o ex-primeiro-ministro.


África 21 Digital com Inforpress


Foto:RTC/Arq


O ex-primeiro-ministro cabo-verdiano, José Maria Neves, solicitou este sábado, na cidade da Praia, maior envolvimento dos jovens na política, tendo em conta os desafios de Cabo Verde.

Em declarações à Inforpress, a propósito do debate sobre o tema “Os Jovens e os Desafios da Política Contemporânea” promovido pela sua fundação, José Maria Neves disse que é fundamental os jovens serem protagonistas.

Para José Maria Neves “é fundamental os próprios jovens serem protagonistas na busca de novos caminhos da política contemporânea para se ter sistemas democráticos representativos mais qualificados e uma maior participação” da sociedade civil e dos cidadãos na vida política nacional.

“É interessante pôr os jovens a falarem sobre os desafios que temos em Cabo Verde neste momento sobre a qualificação da democracia, o reforço dos partidos políticos, enquanto pilares do Estado do Direito Democrático e uma maior ingerência da sociedade civil nos assuntos públicos”, sublinhou José Maria Neves.

O ex-primeiro-ministro de Cabo Verde disse que a ideia da sua fundação é pôr os jovens a debaterem várias questões, nomeadamente a política que, segundo José Maria Neves, é fundamental em qualquer sociedade.

É preciso debater a crise de representatividade

Na ocasião José Maria Neves disse também que é preciso debater sobre a crise de representatividade, o estigma em relação aos partidos e políticos e alguma ausência de causas e de valores.

“Devemos resgatar um conjunto de valores como o trabalho, a honestidade, o orgulho e implicarmos sempre na busca de melhores soluções para Cabo Verde”, defendeu o presidente da Fundação.

José Maria Neves entende igualmente que “Cabo Verde não é só do governo e dos partidos políticos. Cabo Verde é todos nós. O governo é importante, os partidos são importantes. Do lado destas instituições temos é de batalhar todos os dias com as nossas ideias para que possamos construir um Cabo Verde cada vez melhor”.

Igualmente, opina, a política não é feita só nos partidos. “A política é ter ideias, causas e batalhar todos os dias para a sua realização”, frisou José Maria Neves, na ocasião.

Compartilhar

Escrito por: África 21 Digital

Nenhum comentário

Deixe um comentário