Redes Sociais:
HomeNotíciaComportamentosTempestades em Moçambique afetaram quase 4 mil pessoas nos últimos cinco meses

Tempestades em Moçambique afetaram quase 4 mil pessoas nos últimos cinco meses

As catástrofes naturais que atingem várias regiões de Moçambique, desde Outubro passado, já causaram pelo menos 34 mortes, de um universo de 3.925 pessoas afetadas pelo mau tempo.


África 21 Digital com agências


 

Foto:ONU

Segundo o Instituto Nacional de Gestão de Calamidades (INGC), as mortes resultaram de descargas atmosféricas (trovoadas e relâmpagos), afogamentos, ventos fortes, electrocussão e arrastamentos em correntes de água.

De acordo com o porta-voz do INGC, Paulo Tomás, que falava hoje no habitual briefing, em Maputo, destinado a dar a conhecer o impacto do mau tempo nas regiões centro e norte do país, as mortes registadas são referentes ao período que vai desde Outubro, altura do início da época chuvosa, até ao presente momento.

Segundo a fonte, as regiões centro e norte foram, nos últimos sete dias, as mais afetadas por chuvas intensas, acompanhadas de ventos fortes e descargas atmosféricas, com realce para as províncias da Zambézia, Manica, Tete e Sofala, onde a precipitação acumulada esteve entre os 100-200 milímetros.

Compartilhar

Escrito por: África 21 Digital

Nenhum comentário

Deixe um comentário