Redes Sociais:
HomeNotíciaEconomia & NegóciosAnalista alerta para “pouca transparência” da dívida angolana

Analista alerta para “pouca transparência” da dívida angolana

A dívida de Angola “é agora muito pior”, considera David Earnshaw, analista da consultora BMI Research que acompanha a economia angolana, alertando para a “pouca transparência sobre o verdadeiro valor dos empréstimos”.

África 21 Digital

Foto: Marcello Casal/ABr

O analista da BMI Research, considera que  “se houver outra crise nos próximos cinco anos, ­ apesar de não ser previsível ­, a crise em Angola será muito pior”, antecipando-se e uma “recessão muito grande e eventualmente um ‘default'”, cita o angolano Novo Jornal.

O analista questiona também a credibilidade dos dados divulgados pelo  Instituto Nacional de Estatística de Angola (INE).

“O INE não é confiável o suficiente para levar em conta esses dados e, portanto, nós fazemos as nossas estimativas”,  disse David Earnshaw. O analista da BMI  acrescenta que se organizações como a ONU apresentassem um valor semelhante ao INE  então “era uma história diferente”, informa o Novo Jornal.

Compartilhar

Escrito por: África 21 Digital

Nenhum comentário

Deixe um comentário